São João do Piauí, 17 de novembro de 2018
(86)995258210
Opinião
21/10/2018 11h23
Implorar por serviço público é a prova real do descaso local

Em uma cidade com uma população de mais de vinte mil habitantes, o olhar da gestão pública deve ir muito além do olhar de quem a gere. A cidade de São João do Piauí tem sido penalizada por inúmeros gestores do dinheiro público, quer pela falta de aplicação ou pela má aplicação desses recursos em políticas públicas. Um fato lamentável.

É preciso enxergar além do círculo de poder a que se está inserido e dar um (re)direcionamento firme, pontual e providencial a tudo o que está em volta de quem gere os destinos da coisa publica e deste próprio povo.

Os inúmeros pedidos de providências ao poder público municipal nesta gestão atual tem sido algo assustador para não dizer humilhante e sem propósito. A mentalidades das figuras que ocupam pastas de relevância sempre esbarra no pessoal, o que reflete o caráter mais horrendo de uma gestão. Até mesmo o chefe do executivo, que deveria passar a lição aos seus comandados, mais parece ver, aceitar e chancelar o descaso generalizado ou pontual, ao longo do município.

O município de São João do Piauí vive à deriva de investimentos, de reparos e de um sentimento ainda maior: o da atenção. Falar de gestão pública equivaleria a falar em um conjunto de ações planejadas, integradas e bem coordenadas por quem detém o poder de executá-las. Mas o que se tem visto é o descaso estampado e bem disfarçado por falta de cobrança, de um parlamento inerte, que não cumpre o seu dever constitucional.

É inegável que os serviços públicos requerem, em sua maioria, um comando que por vezes exigem procedimentos administrativos engessados, mas há vezes que esses serviços dispensam tamanha formalidade a fim de que o interesse coletivo tenha uma resposta imediata.

 As reclamações sobre lâmpadas queimadas, sobre poços artesianos com bombas queimadas, sobre a falta de reparos no calçamento do município e em outra áreas de atuação de pastas de secretários municipais têm sido negligencias ao longo desses seis anos.

Infelizmente, a mentalidade de boa parte dos detentores de pastas da gestão da prefeitura local remonta os seus antecessores, que eram condenados pela prática atuação por critérios de pessoalidade. Nada parece ter mudado, porque quem necessita do serviço público, precisa implorar por que ele aconteça. E quando acontece.

Portal Mandacaru no Facebook:
Editoriais recomendados
Últimas de editorial
Últimas notícias
Mais lidas do mês
Portal Mandacaru | O nº 1 em notícias de São João do Piauí e região

End: Travessa Adail Coelho Maia - Cel:(89)9403-3070 - Redação: [email protected]

© Copyright 2018 - Portal Mandacaru - Todos os direitos reservados

Site desenvolvido pela Lenium