São João do Piauí, 25 de agosto de 2019
E-mail: redacao@portalmandacaru.com.br
(86)995258210
Esporte
Perder da Alemanha tudo bem. Mas do Paraguai, não!
27/06/2015 22h17
Perder de 7 a 1 da Alemanha e 3 a 0 da Holanda na Copa 2014 magoou demais o coração da torcida brasileira. Caiu Felipão veio Dunga. E com ele novo vexame. Desta vez, seleção terminou desclassificada pelo Paraguai, uma das piores equipes da Copa América. No tempo normal, 1 a 1. Na cobrança de pênaltis, 4 a 3 para os “genéricos” hermanos. Com ex-presidente da CBF, José Maria Marin preso na Suíça e Marco Polo Del Nero se escondendo debaixo da mesa, crise brava pegou de vez o futebol nacional, mal administrado e pessimamente jogado. Um desastre.

Os paraguaios bateram demais. Do começo ao fim. Afinal, um time com média de 28 anos de idade encontrou grandes dificuldades para acompanhar o rápido ataque brasileiro. Phelippe Coutinho e Robinho deitaram e rolaram pela esquerda. Nesse setor, até o estranho Felipe Luís saiu-se bem. Apoiou com aplicação e voltou de imediato para marcar. Do lado direito, William tinha problemas. O tal de Pires só faltou dar um soco no ex-corintiano. Por isso mesmo, a arbitragem distribuiu cartões amarelos à vontade para os hermanos.

Brasil saiu na frente com méritos. Phelippe Coutinho arriscou de longe e quase surpreendeu. Mas veio uma belíssima jogada coletiva do ataque. Phelippe trocou bola com Felipe Luís; Robinho recebeu e tocou para Elias; o alvinegro rolou para Daniel Alves; cruzamento perfeito encontrou o santista Robinho, que tocou sorrindo para o fundo das redes paraguaias. Na sequência, seleção brasileira tirou a chuteira do acelerador e deu espaço para o desesperado time oponente. Bem postada, defesa segurou a onda.

Na etapa final, a casa caiu. Jefferson salvou fazendo defesa sensacional em cabeçada de Paulo Silva. Tiago Silva, então, fez um pênalti infantil e desnecessário. Em bola alta, meteu a mão na bola. Gonzales bateu e deixou tudo igual no placar. Paraguaios cresceram, se animaram e foram para cima. Queriam o gol da virada, da classificação. De novo Gonzales aproveitou contra-ataque e obrigou Jefferson a defender para escanteio. William saiu e veio Douglas Costa. Depois, Tardelli substituiu Firmino. Robinho deixou o gramado para a entrada de Éverton Ribeiro. Alterações nada influenciaram. E decisão da vaga foi para os pênaltis.

Fernandinho fez o dele. Martinez deixou tudo igual. Éverton Ribeiro mandou para fora. Péssima cobrança. Cáceres manteve vantagem paraguaia. Miranda tocou no cantinho, com classe. Bobadila deu no ângulo, idefensável. Douglas Costa chutou por cima. Isolou a bola. Ridículo. Roque Santa Cruz também mandou para nuvens. Phelippe Coutinho aproveitou. Decisão nos pés de Gonzales.Golaço. Paraguai desclassificou seleção de Dunga sem dó nem piedade.

E assim caminha a mediocridade…

FONTE: Gazeta Esportiva
Portal Mandacaru no Facebook:
Notícias recomendadas
Últimas notícias
Mais lidas do mês
Portal Mandacaru | O nº 1 em notícias de São João do Piauí e região

End: Travessa Adail Coelho Maia - Cel:(89)9403-3070 - Redação: redacao@portalmandacaru.com.br

© Copyright 2019 - Portal Mandacaru - Todos os direitos reservados

Site desenvolvido pela Lenium