São João do Piauí, 23 de outubro de 2018
(86)995258210
Cidades
Ex-prefeito de Socorro do Piauí é condenado por improbidade pela Justiça Federal
12/08/2015 09h00
O Ministério Público Federal no Estado do Piauí, através do procurador da República Marco Túlio Lustosa Caminha, obteve a condenação do ex-gestor do Município de Socorro do Piauí, José Antônio Coelho, entre os anos de 2001/2004, por improbidade administrativa.

A Justiça Federal declarou-se incompetente para apreciar os ilícitos imputados aos demais, bem como julgou parcialmente procedente o pedido ministerial, condenando o ex-prefeito José Antônio Coelho, em razão somente da aquisição de gêneros alimentícios para a merenda escolar com desvio de finalidade e aquisição de mercadorias em estabelecimentos comerciais de seus parentes, sem a devida licitação, aplicando-lhe apenas sanções de pagamento de multa civil e proibição de contratar com o poder público, ou receber benefícios/incentivos fiscais ou creditícios, por 3 anos.

Para o procurador da República, o juízo de primeira instância julgou parcialmente procedente a ação de improbidade administrativa proposta em 28 de setembro de 2011 por atos ímprobos praticados pelos denunciados onde ocasionou enriquecimento ilícito, danos ao erário e afronta aos princípios norteadores da Administração Pública, envolvendo recursos federais oriundos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental- FUNDEF, nos exercícios de 2001 e 2002.

Marco Túlio Caminha ingressou com o recurso de apelação no Tribunal Regional Federal da 1ª Região contra a sentença do Juíz da 1ª Vara Federal do Piauí e pediu ao TRF 1 o provimento da apelação a fim de que seja reformada a sentença de primeira instância para que:

a) seja mantida a competência da Justiça Federal para processamento e julgamento da presente ação no que tange aos ilícitos imputados a ex-prefeito e demais requeridos consubstanciados na aquisição de veículo/ Chevrolet-D20 e reforma da Unidade Escolar Américo José de Sousa, sendo os mesmos condenados pela prática de tais atos ímprobos, nas sanções previstas no art. 12, inc. I,II e III da Lei 8.429/92;

b) seja julgada procedente a inicial, para fins de condenação do ex-prefeito, José Antônio Coelho, pelos atos apontados na ação, previstos no art. 9º, inc. XII, art.10, inc.II, VIII e XI e art. 11, inc. I, todos da Lei 8.429/92, aplicando-lhe, além das sanções previstas já impostas pelo Juízo a quo, as demais sanções previstas no art. 12, incisos I, II e III da Lei nº 8.429/92, no que couber, especialmente a obrigação de ressarcir toda quantia recebida, indevidamente, perda de função pública e suspensão de direitos políticos.

FONTE: MPF-PI
Portal Mandacaru no Facebook:
Notícias recomendadas
Últimas notícias
Mais lidas do mês
Portal Mandacaru | O nº 1 em notícias de São João do Piauí e região

End: Travessa Adail Coelho Maia - Cel:(89)9403-3070 - Redação: [email protected]

© Copyright 2018 - Portal Mandacaru - Todos os direitos reservados

Site desenvolvido pela Lenium