São João do Piauí, 21 de julho de 2018
(86)995258210
Política
W.Dias vai à Alepi pedir empréstimo mais uma vez
18/08/2015 09h15
O governador Wellington Dias vai comparecer à Assembleia Legislativa hoje para apresentar um relatório da viagem que fez aos Estados Unidos para captar recursos, por meio de operações de crédito, junto ao Banco Mundial e ao BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). Ele ainda vai discutir com os deputados um pedido de autorização para novo empréstimo junto às instituições internacionais para aplicar em saneamento básico, parceria público-privada e projetos de desenvolvimento.

Wellington Dias determinou que a equipe econômica levante os valores necessários para os programas em discussão. O coordenador de Operações Técnicas e Financeiras do Estado, Sérgio Miranda, informou que os valores ainda não foram fechados, e confirmou que o Estado vai pleitear novas operações junto ao Banco Mundial e ao BID. O governador foi criticado por deputados de oposição alegando que ele e sua comitiva estavam apenas desperdiçando dinheiro público do Estado.

Ele viajou durante 12 dias em julho, com uma comitiva para Washington, onde teve reuniões com técnicos do Banco Mundial e com empresários americanos, que podem investir no Piauí. O líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado João de Deus (PT), explicou que o governador Wellington Dias se ausentou do Brasil entre os dias 23 de julho e 5 de agosto, em missão oficial aos Estados Unidos, onde se reuniu com representantes do Banco Mundial, para tratar da liberação do empréstimo de US$ 320 milhões para investimentos em educação, saúde e segurança.

O governador ainda teve encontros com a direção do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e com a Câmara de Desenvolvimento dos Estados Unidos, para tratar da retomada do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur) nos estados do Nordeste. Wellington Dias avaliou como positiva as reuniões com os dirigentes do Banco Mundial e do Banco Interamericano e disse que o interesse destas instituições foi manifestado também por escrito. Os valores negociados devem movimentar investimentos na ordem de R$ 1 bilhão.

Ele disse que a liberação do dinheiro ainda tem de ser discutida com o Ministério da Fazenda e ao Tesouro Nacional. Na sexta-feira passada o Tesouro Nacional anunciou veto a pedidos de novos empréstimos feitos por estados e municípios por conta da crise econômica que o país atravessa. A finalidade é evitar impacto direto dos financiamentos na dívida bruta do governo geral. Segundo Sérgio Miranda, a decisão não compromete as operações de U$ 320 milhões do Piauí junto ao Banco Mundial.

FONTE: Diário do Povo
Portal Mandacaru no Facebook:
Notícias recomendadas
Últimas notícias
Mais lidas do mês
Portal Mandacaru | O nº 1 em notícias de São João do Piauí e região

End: Travessa Adail Coelho Maia - Cel:(89)9403-3070 - Redação: [email protected]

© Copyright 2018 - Portal Mandacaru - Todos os direitos reservados

Site desenvolvido pela Lenium