São João do Piauí, 25 de maio de 2019
E-mail: redacao@portalmandacaru.com.br
(86)995258210
Educação
Pais devem estar atentos às dificuldades de aprendizagem
14/11/2015 22h25

Uma em cada 10 crianças em idade escolar tem dificuldades de aprendizagem, de acordo com especialistas. Por isso, o Dia Mundial da Alfabetização, comemorado neste sábado (14/11), chama a atenção de pais e professores que precisam estar atentos para a detecção precoce deste problema que pode acarretar em prejuízos educacionais.

 

 

Entre as principais dificuldades de aprendizagem diagnosticadas em crianças e adolescentes estão às de leitura, de expressão escrita, gramaticais, no pensamento lógico, entre outros transtornos.

 

Segundo Nadja Pinho, psicopedagoga e musicoterapeuta da Clínica Holiste, tanto fatores biológicos quanto psicossociais podem contribuir para a dificuldade de aprendizagem e não podem ser vistos isoladamente.

 

“A dificuldade de aprendizagem é multicausal, pode ser decorrente da metodologia e formação do professor, da cultura da escola, da relação professor e aluno”, explica a psicopedagoga.

 

Nadja lembra ainda, que além deste, existem os fatores da própria criança, como emocionais, culturais, intelectuais, específicos como dislexia, disgrafia, discalculia e a relação dos pais com o estudo dos filhos.

Para a profissional, cabe aos pais e professores estarem atentos aos primeiros sinais da presença da dificuldade de aprendizagem.

“Alguns sintomas podem ser observados desde cedo, como dificuldades para se expressar oralmente, dificuldades em identificar rimas e sons nas palavras, compreender o que é falado, dificuldades na orientação de espaço e tempo”, explica a psicopedagoga.

 

As dificuldades passam a ser percebidas, geralmente, na época da alfabetização, quando a leitura e escrita são formalmente apresentadas à criança.

 

“Um diagnóstico mais preciso é feito a partir do 2º ano, após dois anos de aprendizagem da leitura. Mas havendo sinais de dificuldades nas áreas de linguagem, um atendimento adequado deve ser iniciado antes mesmo da alfabetização”, aconselha Nadja Pinho.

 

Para Nadja, as crianças com alguma dificuldade de aprendizagem devem ser matriculadas em escolas regulares, obedecendo a um direito constitucional.

 

“O que se faz necessário e que o educando independente de idade tenha condições de ser assistido na sua dificuldade por uma equipe multidisciplinar que possa auxiliar a criança ou jovem nas suas limitações”, afirma a especialista da Clínica Holiste.

 

Ela lembra que o diagnóstico é realizado por psicopedagogos e terapeutas da fala, trabalhando conjuntamente com os psicólogos especializados no assunto.

 

FONTE: Tribuna da Bahia
Portal Mandacaru no Facebook:
Notícias recomendadas
Últimas notícias
Mais lidas do mês
Portal Mandacaru | O nº 1 em notícias de São João do Piauí e região

End: Travessa Adail Coelho Maia - Cel:(89)9403-3070 - Redação: redacao@portalmandacaru.com.br

© Copyright 2019 - Portal Mandacaru - Todos os direitos reservados

Site desenvolvido pela Lenium