São João do Piauí, 19 de setembro de 2019
E-mail: redacao@portalmandacaru.com.br
(86)995258210
Cidades
Piracuruca tem a melhor nota do Ideb entre os municípios
Piracuruca tem a melhor nota do Ideb entre os municípios
06/09/2014 08h16
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou hoje os números do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). De acordo com os dados, o Piauí obteve um crescimento de 0,1 na avaliação de 2013, comparando com 2011, no ensino médio. A educação piauiense obteve nota 3,3. Apesar de subir, o Estado apresentou o 10º pior desempenho do país.

O município de Piracuruca, ao norte da capital, contabilizou o melhor desempenho no Ideb nas séries iniciais. A média das notas dos alunos contabilizou 6,6, no ensino estadual. Em 2005, o índice alcançado pelo município ficou em apenas 3,3.

Já o município de Avelino Lopes, obteve a pior nota: 2,2 no ensino estadual. O ensino da cidade chegou a experimentar um folego em 2011, quando conseguiu conquistar nota 4,0, mas voltou a cair em 2013.

A capital, Teresina, contabilizou a nota 4,5 no ensino estadual, 5,0 no ensino municipal e 4,9 no ensino público. Tiveram desempenho satisfatório anda os municípios de Buriti dos Montes e Cocal dos Alves, que conquistaram nota 6,1, no Ideb.

Ideb no Ensino Médio do Piauí cai nas escolas privadas

O desempenho das escolas de ensino médio da rede estadual representou uma leve melhoria no índice de 2013, se comparado com o de 2011, saindo de 2,9 para 3,0. A expectativa que se tinha, entretanto, era que houvesse uma queda, com a contabilização de uma nota 2,8. Apesar de ter um índice pequeno, o Piauí está entre as nove unidades da federação que tiveram crescimento nas notas do Ideb.

Se na rede pública o desempenho foi melhor, o mesmo, entretanto, não foi observado entre as escolas da rede privada que saíram de um desempenho de 5,6, contabilizados em 2011 para 5,5 em 2013. A projeção era que o ensino da rede privada alcançasse nota 5,9 em 2013. No entanto, a nota não se concretizou.

Para o secretário estadual de Educação, Alano Dourado, essa evolução é fruto dos investimentos feitos na melhoria da qualidade da educação ofertada nas escolas, como a implantação de programas que estimulam o conhecimento e a preocupação em oferecer melhores estruturas físicas a alunos e professores. “Nossos alunos do ensino médio mostraram seus conhecimentos e isso se reflete nessa evolução no Ideb. Acreditamos que a educação é a base para o desenvolvimento do Estado”, afirma o gestor.

Segundo o presidente do Sindicato das Escolas Privadas do Piauí, Dalton Leal, não há o que se falar em queda. Para ele, a taxa 0,1 “não significa nem crescimento e nem queda”. Dalton avalia que o resultado é positivo na medida em que se leva em consideração o universo de escolas particulares existentes no Estado. “Se conseguimos uma nota dessa, mostra que temos uma boa quantidade de escolas que tem notas entre as melhores do país. A rede privada do Piauí é uma das melhores do Brasil”, garante.

Fazendo uma análise no panorama geral, os números do Ideb mostram que a educação pública e privada nos Estados deu uma estagnada, com variações pequenas, tanto para mais quanto para menos, na maioria das unidades da federação

FONTE: granderede
Portal Mandacaru no Facebook:
Notícias recomendadas
Últimas notícias
Mais lidas do mês
Portal Mandacaru | O nº 1 em notícias de São João do Piauí e região

End: Travessa Adail Coelho Maia - Cel:(89)9403-3070 - Redação: redacao@portalmandacaru.com.br

© Copyright 2019 - Portal Mandacaru - Todos os direitos reservados

Site desenvolvido pela Lenium