São João do Piauí, 18 de dezembro de 2018
(86)995258210
Piauí
Delegado da Bahia diz que para ele, ninguém provou origem do dinheiro
Delegado da Bahia diz que para ele, ninguém provou origem do dinheiro
19/09/2014 10h59
O delegado que cuida do caso da apreensão dos R$ 180 mil no município de Barreiras, Francisco de Sá, disse que “na delegacia” dele não foi comprovada ainda a origem do dinheiro como disse o senador e candidato ao governo do estado Wellington Dias (PT) durante entrevista à TV Clube.

“Para mim ainda não foi comprovada essa origem”, disse. “Na delegacia ainda não”, enfatizou. O delegado disse também que o inquérito que apura o caso ainda está com ele e que ninguém apareceu na delegacia depois do fatídico 11 de setembro do PT, a não ser na noite do dia da apreensão e no dia posterior.

Francisco de Sá disse que nesta quinta-feira (19) repassa à Justiça Federal o inquérito para que as devidas providências sejam tomadas. “O juiz deve declinar a competência para a Polícia Federal investigar a origem deste dinheiro”, falou.

Wellington Dias, em entrevista à TV Clube, disse que seu funcionário, que é lotado em seu gabinete no Senado, havia explicado a origem do dinheiro. Mas quando indagado se já sabia a origem, disse que Martinho ainda não o tinha avisado.

Diante de um bombardeio como esse, e de um caso nebuloso como o desenhado, um candidato a governo de estado mais atento já teria buscado essas informações de forma urgente, afinal de contas o senador é Wellington Dias e não o motorista. A própria hierarquia emana condições suficientes para que o petista solicite o mais rápido possível essas informações. É o seu nome que está em jogo.

Nenhum local seria mais oportuno do que desmentir o fato com provas robustas e convincentes e contar a origem do dinheiro, do que na TV que veiculou a denúncia, a TV Clube.

O QUE DISSE MARTINHO AO 180GRAUS

Em contato na noite da última terça-feira (16), Martinho disse ao 180 que o caso estava com “os advogados” e não com ele. Também disse que na próxima semana a origem do dinheiro seria explicada, mas não disse como.

O dinheiro está depositado numa conta da Caixa Econômica à disposição da Justiça Federal. E não foi retirado ainda. Depende de uma decisão judicial.

FONTE: 180graus
Portal Mandacaru no Facebook:
Notícias recomendadas
Últimas notícias
Mais lidas do mês
Portal Mandacaru | O nº 1 em notícias de São João do Piauí e região

End: Travessa Adail Coelho Maia - Cel:(89)9403-3070 - Redação: [email protected]

© Copyright 2018 - Portal Mandacaru - Todos os direitos reservados

Site desenvolvido pela Lenium