São João do Piauí, 21 de setembro de 2018
(86)995258210
Colunistas
JOE
 JOE
Joe é formado em Letras Inglês pela UESPI e Bacharel em Administração Pública pela UFPI. Ele escreve sobre Política e Administração, diariamente.
O “fortíssimo” enfraqueceu: Gil deve reagir, sem risco de asfixia
16/12/2017 18h52

O “Fortíssimo”, como foi alcunhado o prefeito cassado Gil Carlos (PT), por um impresso regional, perdeu oxigênio, ao longo da caminhada, mesmo antes da entrada do ano eleitoral. Isso por que o Juiz da 20ª Zona Eleitoral de São João do Piauí, Dr. Mauricio Machado Queiroz Ribeiro, desceu-lhe a caneta e cassou-lhe o mandato, na manhã de 13, a chamada “quarta-feira 13, que nenhum petista gosta de que seja lembrada.

O oxigênio que mantinha aceso o desejo do prefeito Gil Carlos em disputar uma cadeira no legislativo estadual parece ter acabado. Pelo menos até o recurso contra a cassação de seu mandato ser julgado pelo TRE-PI.

O prefeito Gil Carlos mal ganhou as eleições (reeleição em 2016)  e já despontava como candidato à presidência da APPM, depois de um imbróglio com a prefeita de Altos, Patrícia Leal, que retirou sua candidatura, em seguida.

Durante o decorrer do ano de 2017, Gil já se propunha a ir mais longe: disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa do Piauí. Mas não parou por aí. Gil já não era mais só o aspirante a uma cadeira no legislativo estadual, ele queria tomar os rumos de Brasília: já sonhava (ou ainda sonha) em ser Senador da República.

Por enquanto, os sonhos de lutar por uma vaga de Deputado Estadual ou de Senador da República foram interrompidos pela sentença do meretricíssimo senhor juiz da 20ª zona eleitoral de São João do Piauí.

Portal Mandacaru no Facebook:
Notícias recomendadas
Últimas da coluna
Portal Mandacaru | O nº 1 em notícias de São João do Piauí e região

End: Travessa Adail Coelho Maia - Cel:(89)9403-3070 - Redação: [email protected]

© Copyright 2018 - Portal Mandacaru - Todos os direitos reservados

Site desenvolvido pela Lenium