São João do Piauí, 24 de junho de 2019
E-mail: redacao@portalmandacaru.com.br
(86)995258210
Colunistas
JOE
 JOE
Joe é formado em Letras Inglês pela UESPI e Bacharel em Administração Pública pela UFPI. Ele escreve sobre Política e Administração, diariamente.
Um fogo amigo
10/01/2019 02h20

Desde 2013, quando o prefeito Gil Carlos assumiu o comando da prefeitura de São João do Piauí, a gritaria de secretários de sua gestão não tem sido outra, senão a falta de autonomia. Gil já deixou claro para amigos e até mesmo para um membro do PT que não confia em seus comandados, como deveria.

Pela Secretária Municipal de Desenvolvimento Social já passaram figuras públicas e política do PT, como Baroniza Cronemberger, que deixou a pasta pouco tempo depois de ocupá-la. E o fez porque os secretários do prefeito não têm autonomia para comprar uma caneta, revelou uma fonte da gestão do petista.

O episódio da carta exoneratória, que envolve Viviane Marques de Moura e a gestão do prefeito de seu partido, o PT, foi algo sem precedentes para agremiação partidária. Certamente, Gil Carlos jamais imaginou que pudesse ter detalhes dos pontos fracos de sua gestão jogados para o público ver e saber. Isso de fato foi um tiro certeiro de um membro de sua equipe de seu partido.

Viviane, em sua carta exoneratória, detalha com fidelidade os pormenores de falhas, desrespeito e falta de consideração por parte do prefeito a Rejane Dias, Ivone e ao próprio PT. Além de citar que ele [Gil Carlos] é um prefeito ausente, que gerir uma secretaria como a Assistência Social é difícil, porque a mesma lida com lida com situações emergenciais como fome, vida e a morte de pessoas de alta vulnerabilidade social.

O fogo amigo da secretaria foi tamanho que o diretório municipal do PT tratou de emitir nota tentando explicar as conquistas e avanços que a gestão do prefeito já conseguiu, desde 2013,quando ele assumiu a prefeitura.

Embora Adriana de Castro, presidente do Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) tenha emitido nota afirmando que a carta aberta da ex-secretária não representa o sentimento ou decisão do partido, o estrago já havia sido feito.

O mais proveitoso do desabafo de Viviane é que o prefeito Gil deverá voltar os olhos e tentar encontrar um caminho para dar autonomia aos seus secretários, a fim de que não precisem de autorização, via WhatsApp, para resolver os problemas do município em uma  pasta tão importante quanto é a da Assistência Social. Que isso, de certo modo, sirva de lição, embora não tenha sido o remédio amargo que o prefeito tivesse que tomar, como forma de alerta dos problemas do município para o qual ele foi eleito e reeleito para gerir recursos e o destino de seu povo.

Portal Mandacaru no Facebook:
Notícias recomendadas
Últimas da coluna
Portal Mandacaru | O nº 1 em notícias de São João do Piauí e região

End: Travessa Adail Coelho Maia - Cel:(89)9403-3070 - Redação: redacao@portalmandacaru.com.br

© Copyright 2019 - Portal Mandacaru - Todos os direitos reservados

Site desenvolvido pela Lenium