São João do Piauí, 19 de novembro de 2019
E-mail: redacao@portalmandacaru.com.br
(86)995258210
Colunistas
JOE
 JOE
Joe é formado em Letras Inglês pela UESPI e Bacharel em Adm Pública pela UFPI. Escreve sobre Política e gestões públicas.Cel: (89) 99403-3070
A 61 é a Portaria do retrocesso
28/10/2019 19h44

Está na pauta do Senado Federal a votação do projeto de decreto legislativo que poderá derrubar a portaria do Ministério da Saúde (MS) que restringe o acesso de mulheres de 40 a 49 anos aos exames de mamografia para detecção precoce de câncer de mama.

A Portaria nº 61, de 1º de outubro de 2015, do Ministério da Saúde, que tornou pública a decisão de não ampliar o uso da mamografia para o rastreamento do câncer de mama em mulheres assintomáticas com risco habitual fora da faixa etária atualmente recomendada (50 a 69 anos) no âmbito do Sistema Único de Saúde – SUS representa um verdadeiro retrocesso a quem depende do Sistema Único de Saúde (SUS) e quer fazer um exame preventivo da doença.

No geral, o risco do câncer de mama aumenta muito após os 50 anos de idade, sendo que cerca de 80% dos casos são diagnosticados nessa faixa. Mulheres jovens com idade abaixo dos 40 anos também podem ser acometidas dessa doença, embora com uma incidência muito menor, apenas 7%.

Portal Mandacaru no Facebook:
Notícias recomendadas
Últimas da coluna
Portal Mandacaru | O nº 1 em notícias de São João do Piauí e região

End: Travessa Adail Coelho Maia - Cel:(89)9403-3070 - Redação: redacao@portalmandacaru.com.br

© Copyright 2019 - Portal Mandacaru - Todos os direitos reservados

Site desenvolvido pela Lenium